Do túnel do tempo

A Globo.com fez o favor de sumir com a senha do meu antigo blog. Procurei um contato pra poder reclamar mas não encontrei nenhum. Fiquei p de raiva, pois eu gostava gosto daquele blog e queria mantê-lo vivo por muito tempo.

Como acho que daqui a algum tempo a merda da Globo.com vai me fazer outro favor deletando o mesmo, resolvi transcrever para cá alguns posts. Não vai ser a mesma coisa, obviamente, mas vai ser bom relembrar e até fazer comentários e atualizações sobre o assunto.

Nem sei se posso chamá-lo de amigo, nem sei em que categoria ele se enquadra, pois não é ex-nada, é apenas mais um dos que desapareceram da minha vida quando nem deveriam ter aparecido. Há alguns anos atrás ele me ligou, com a desculpa de que estava fazendo uma faxina na sua lista de telefones e queria só se certificar se o meu número ainda estava ativo e foi só o que disse depois do tradicional "alô, tudo bem, adivinha quem é"?
Outro dia soube que ele estava na mesma cidade que eu, sentimento estranho de quem não tem e não quer falar nada depois de tantos anos. Sorte minha que tive uma baita dor de barriga e fraquinha, fui me deitar, e não compareci ao evento em que sabia com certeza que ele estaria lá, mais velho, mais gordo, e como sempre, inoportuno.

E isso foi há 6 anos, direto do túnel do tempo!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Como curar panela de pedra sabão - a saga

Eu sou do Trecho

Cortina Longa x Cortina Curta