Postagens

Mostrando postagens de 2006

Resoluções

Imagem
Desilusões Resoluções de Ano Novo


Passei o dia ouvindo e lendo lamentações que não eram as de Jeremias. De noite eu já estava esgotada, me sentindo desolada, desamparada, mas estava cansada demais pra chorar. Ninguém começa um relacionamento pensando em terminar, quando acaba, por mais que seja um alívio, é sempre frustrante. É mais um que se foi.

É interessante como o meu organismo reage. Se eu fico triste, ou se alguém me irrita ou me deixa estressada, a primeira coisa que eu sinto é sono. Uma vontade louca de deitar e dormir. É automático. Se me magoam, eu quero logo dormir. Se me agridem, eu só penso em deitar. Ontem passei o dia inteiro com sono.

Não vejo a hora de acabar essa euforia de final-de-ano, não agüento tantos festejos, confetes, risos fáceis... não agüento mais tanta adrenalina das surpresas. À pouco Kedma me ligou alarmando: "Minha filha, você não sabe da maior!", minhas pernas tremeram e eu tive que sentar. Tantas viagens, tantas noites de pouco sono, tanta…
Imagem
A quem interessar possa...a-ca-bou. Sem comentários.



"otro amor vendra
si hoy estoy muriendo
otro amor vendra
que sera mejor
otro amor vendra
por que voy a dedicarme a vivir sin ti
voia ser feliz
otro amor vendra
otro amor vendra
otro amor vendra

ya lo veras
otro amor vendra
ya veras como quiero otra vez
siento otra vez
vivo otra vez
el amor llegara
otra vez".

(Otro Amor Vendra-Lara Fabian)

Natal em PA

Imagem
Ri tanto nesse natal que hoje estou com uma vontade louca de chorar.
Tomei tanto sol que meu lábios estão ardendo.
Tirei tanta foto que estou enfastiada. Se não fosse o Ano Novo e a viagem para João Pessoa que precisa ser registrada para a posteridade, eu passaria uns 6 meses sem nem ser fotografada num 3/4. Cansei minha beleza.
O calor estava tão grande que a vontade que dava era ficar como os urubus na prainha, asas abertas, paralisados, ansiando por uma leve brisa momentânea, isso porque até o vento era como um bafo quente na cara. Ô, Paulo Afonso quente! Mas o pôr-do-sol na minha terrinha é lindo (visto de cima da usina Apolônio Sales).

Estou tão triste com Fábio. Ele não quis passar o natal comigo...

É no Natal que a gente descobre que não é ninguém.

Imagem
Não tem gente que tem um "sangue doce" pra ganhar presentes? Eu não. Não tenho sorte de ganhar nada de ninguém, ao contrário, sempre conseguem me tirar alguma coisa. Sempre tem alguém correndo para me pedir favores, seja trabalho, seja empréstimo, seja o que for, quando eu preciso, tenho que pagar, tenho que desembolsar algo ou alguma quantia pra conseguir o que quer que seja. Ninguém faz nada de graça pra mim.

No Natal não poderia ser diferente. Essa época nojenta que algum idiota criou pra fazer as pessoas gastarem o seu rico dinheirinho. Eu sempre gastei horrores no natal, dou presente a meio mundo, quase sempre terminava com um presentinho só da minha mãe. Até que eu e minhas primas tivemos a brilhante idéia de nos presentear, assim cada uma ganharia 3 presentes, o que já é um bom começo.

Esse ano a gente não programou nada, mas Kedma me ligou perguntando se eu tinha comprado alguma coisa pra ela, porque ela não tinha comprado nada e que se eu não fosse dar, ela não ter…

Ternura

Imagem
Ternura
(Vinicius de Moraes)

Eu te peço perdão por te amar de repente
Embora o meu amor seja uma velha canção nos teus ouvidos
Das horas que passei à sombra dos teus gestos
Bebendo em tua boca o perfume dos sorrisos
Das noites que vivi acalentado
Pela graça indizível dos teus passos eternamente fugindo
Trago a doçura dos que aceitam melancolicamente.
E posso te dizer que o grande afeto que te deixo
Não traz o exaspero das lágrimas nem a fascinação das promessas
Nem as misteriosas palavras dos véus da alma...
É um sossego, uma unção, um transbordamento de carícias
E só te pede que te repouses quieta, muito quieta
E deixes que as mãos cálidas da noite encontrem sem fatalidade o olhar extático da aurora.

Conversas doidas usando o e-mail do trabalho (abafa o caso!)

Imagem
Num e-mail copiado a várias pessoas, uma colega comunica o seu período de férias, deseja boas festas e se despede. Muitos desejam o mesmo, copiando todos.

Leo responde:
"Nhá pra vc Renata. Na sua ausência Nadja vai passar a ser a minha esposa e a Erika minha amante, a partir de segunda as duas responde diretamente para mim e começam a pedir permissão para tudo o que forem fazer, até mesmo ir ao banheiro e está decidido !!! Abraços"

"Affé, como é volátil!!! aliás, volátil e volúvel..... Meninas, CUIDADO!!!!Léo é mandão e vai se aproveitar de vcs...vai fazer exatamente o q está fazendo comigo agora...me descartando após quase 2 anos de relacionamento....MOORRTTA!!!!! Vai ter troco, hein?! Cheiro, Rê".

"Ainda bem que ele não é solúvel. Menos mal. Mais um pra me escravizar???? Tá demais!?", reclamo.

Thiago se mete:
"Mulher, pare de estirar o cabelo...
É isso, o loiro até disfarça o pé na senzala...
Mas quando estica, pronto...
Já querem escravizar...
Faz…

Balanço de final de ano

Como a maioria das pessoas, tirei o restinho do ano pra fazer um balanço do que ele foi. Como a maioria das pessoas, posso dizer que o saldo foi positivo, mas como final de ano significa pra mim também idade nova, pois janeiro passa voando e logo chega o começo de fevereiro, sempre faço um balanço da minha vida inteira. Ainda mais agora que vou entrar no meu último ano da era pré-balzaquiana.

Outro dia uma amiga comentou sobre o grupo de louvor da igreja e completou com a seguinte frase: "Era pra você estar cantando ainda". Fiquei irritada porque ela sabe muito bem porque eu saí do grupo, mas é certo que as pessoas têm memória curta, principalmente no que se refere aos fatos que não lhe dizem respeito.

Penso que se era pra eu estar fazendo alguma coisa, se era para eu estar em algum lugar, eu estaria fazendo, eu estaria lá, independente do que acontecesse. Isso é acreditar no destino? Eu nem sei se acredito no destino. Só sei a vida nos leva por caminhos que muitas vezes não s…

Penetras

Imagem
- Essa casa é linda! Uma mansão enorme, tem piscina e até uma academia dentro equipada de tudo - disse Kátia.
- Como é que tu sabe? - perguntei.
- Quando eu passo no ônibus sempre fico olhando.
- Olha, vai ter festa lá! Se eu tivesse com mais duas caras-de-pau como eu, ia pra essa festa agora. Tem coragem, Kátia? - perguntou Nel.
- Eu não.
- Eu tenho - respondi - não tenho coragem de falar nada, mas tenho coragem de entrar lhe acompanhando. Agora, Nel, você fala tudo, eu não vou inventar mentira nenhuma.


Paro o carro na frente da casa. O pessoal ainda está arrumando. Nel coloca metade do corpo fora da janela:
- Que horas começa a festa?
- 6 horas, responde um carinha que arrumava a entrada do portão que imitava a entrada de um circo, com guichê e tudo.
- Daqui há pouco, né? A gente já pode entrar?
- Pode sim. Fique à vontade.
- Bora, Erika?
- Bora! - repito.
- Bora, Kátia?
- Deus me livre! Deixe-me ali no terminal que eu vou embora.
- Bora, mulher! - Nel insiste.
- Vou nada. Morro de vergonha!
- Eu vo…
Imagem
"Ao pisar no terreno de um coração
é preciso ter muita calma
para não destruir as flores,
para não se perder nos amores,
nos amores por ele vividos,
nos amores por ele sonhados,
idealizados...
Há que se ter muito cuidado
quando alguém nos abre a porta do seu coração.
Cuidado para saber entrar,
e, se necessário, saber sair...
Sem destruir, sem derrubar.
E plantar uma bandeira,
no maior monte, escrito assim:
- Estive aqui e fui feliz!!! "

COMO TEM GENTE GROSSA E IGNORANTE NESSE MUNDO! MISERICÓRDIA!

Revoltada e sem condições de escrever aqui. Mas se quiser ler, vá lá nos Inimprestáveis, valeu? 

Soberana#

Onomatopéias

Imagem
(eu e Kedma essa tarde no msn)

[11:36:27] Kedma--,-@ Cuida bem de mim! says:
GRUMGRUM GROF PROCT
KKKKKKKKK
NÃO QUERO + TRABALHAR HJ NÃO! 


[11:37:31] Soberana says:
nem eu. preguiça da pêga 

[11:37:51] Kedma--,-@ Cuida bem de mim! says:
VAMU P/ PRAIA?
grum grum grof
miauuuuuuuuuu 


[11:52:50] Soberana says:
o que é grum grum grof? (risos!)
clau, clau, peém,peém, tu, tu, tu
ronc, ronc, ronc 


[11:53:19] Kedma--,-@ Cuida bem de mim! says:
nada! tou perturbando
frog frog, gluc, nhoc
grau, grau, nhec 


[11:55:48] Soberana says:
bilau, bilau, fonhem, fonhem, xucu,xuc
blago, glaco, flaco 

[11:56:05] Kedma--,-@ Cuida bem de mim! says:
kkkkkkkkkkk 

[11:56:17] Soberana says:
tem o que fazer não, né? 

[11:56:30] Kedma--,-@ Cuida bem de mim! says:
croch, croch, vruc, vrac
tenho, mas tou com preguiça 


[12:00:19] Soberana says:
vruc, vrac, foi demais! 

Kedma--,-@ Cuida bem de mim! says:
que bicho faz esse barulho, heim?
parece um cágado transando... kkkkkk

N.E.: Agora, me explique, como é1cágado cruza sozinho? É …

Tiros em apresentação de orquestra sinfônica.

Imagem
Livinha me convidou para uma apresentação do coro sinfônico no feriado de 15 de novembro. Disse-me que a música que eles iam cantar era linda demais, que o maestro era perfeccionista, que cada acorde era maravilhoso, que era em inglês, que era a história de amor de num-sei-quem e isso e aquilo. Ela me contou isso tudo na velocidade da luz, porque ela só sabe falar assim, tal qual aquele esquilo de um desenho infantil.

Eu estava cansada porque tinha trabalhado no feriado, tinha ido à cabelereira e só depois de 4 horas esperando para tratar a cafuba, pude sair pra pagar contar no shopping, ou seja, já era 9 da noite e eu só queria dormir. Mas mesmo assim fui de última hora com Fabinho que reclamava dizendo que ouvir orquestra com sono era "uó".

Quando chegamos no teatro a orquestra já estava tocando a "Hora do Brasil" e Cliança Minha já estava na parte de cima com o irmão e a cunhada. Ela manda um torpedo.

Su: Vem pra cá, mo fio!
Eu: Eh q eu gosto de ver a cara do p…

A Hora da Estrela

Imagem
"Ela se mexeu devagar e acomodou o corpo na posição fetal. (...) Era uma maldita e não sabia. Agarrava-se a um fiapo de consciência e repetia sem cessar eu sou, eu sou, eu sou. Teve uma úmida felicidade suprema, pois ela nascera para o abraço da morte. (...) Um gosto suave, arrepiante, gélido e agudo como no amor. Seria esta a graça a que vós chamais Deus? Sim? Se iria morrer, na morte passava de virgem para mulher. Então ela pronunciou uma frase que ninguém entendeu: "Quanto ao futuro". Vomitou um pouco de sangue. Estava enfim livre de si e de nós. (...) Viver é um luxo. Pronto, passou."

Já terminei de ler. Não gostei, apesar de gostar de Clarice, fiquei com um sentimento vago com relação a Macabéia. Ela tinha mais era que morrer mesmo. Mulherzinha sem graça.
(Senti-me cruel ao escrever isso)

Vermelhou no pacote de Adelino...

Imagem
Vermelhou no pacote de Adelino...... e trabalhei novamente nesse feriado. Agora virou lugar comum, é só ter um feriado que logo inventam uma meta para cumprir. E tome prazos inexeqüíveis. E tome chicote no lombo. Eu não estudo, eu não toco mais piano, eu não tenho mais forças para ir a academia. Estou fraquinha. Quero me deitar.
Segunda-feira eu dormi 12 horas seguidas, morgada em cima de uma cama, vestida do jeito que cheguei do trabalho. Acordei apenas às 3 da manhã com a barriga sufocada no cós da calça, a cara marcada pelo relógio, alguém gritando na televisão e fui tomar um banho pra voltar a dormir. Estou cansada, preciso de férias.
Antes de ontem eu estava com vontade de morrer de tão cansada. Encontrei minha prima no msn e perguntei a opinião dela, se era melhor morrer naquele dia ou deixar pra o outro. Ela me aconselhou morrer depois do feriado pois ela ia pra um show de Babado Novo na praia, e se eu morresse ia atrapalhar os seus planos.
É tão bom saber que alguém gosta da g…

Grilo Feliz

Imagem
Eu tenho pavor de insetos que pulam e voam. Odeios bichos que rastejam. Eu tenho pavor de grilos. E as rãs? Ai, elas pulam! Eu tenho fobia de baratas, elas voam! Apesar de ter nojo, pavor, medo, não tenho coragem de matar nenhum deles. Um dos motivos de ser vegetariana é que me falta coragem de matar qualquer bicho, mesmo que seja uma vil barata. Ah, não! Deus me livre! Morro de pena! Claro, que ninguém vai querer comer uma barata, estou só comparando, que se eu não tenho coragem de matar uma barata, imagine comer um bicho morto por alguém. Ah! Vocês me entenderam.
Mas eu odeio mesmo é o barulhinho que as baratas fazem quando são esmagadas. Blerght! Delas eu não tenho pena. Eu tenho pena das rãs. Eu jamais mataria uma rã, elas são criaturas bonitinhas. Geladas, mas bonitinhas, e se eu tivesse coragem, eu pegaria para criar, mas eu não tenho essa coragem. E nem deixo ninguém matar as bichinhas, tão transparentes! As catengas também, elas soltam o rabo e eu tenho pavor, mas abençoa as c…

Bom dia, tristeza

Imagem
Bom dia, tristeza
(Adoniran Barbosa e Vinícius de Moraes)

Bom dia tristeza
Que tarde tristeza
Você veio hoje me ver
Já estava ficando até meio triste
De estar tanto tempo longe de você
Se chegue tristeza
Se sente comigo
Aqui nesta mesa de bar
Beba do meu copo
Me dê o seu ombro
Que é para eu chorar
Chorar de tristeza
Tristeza de amar

Bruuuuutaaaaa!!!!!

Imagem
Eita, que eu ando numa fase de brutalidade! Normalmente eu sou muito complacente (será?), mas outras vezes eu perco a paciência, a tolerância chega a níveis negativos e para deixar um rente com o chão é como quem vai ali e volta. Principalmente gente metida a inteligente falando merda, ou gente metida a engraçadinha que gosta de tirar onda e mangar da cara do povo por causa de besteira. Affe! Tenho paciência não.

Tem um idiota no orkut que resolveu descontar a dor de corno dele em mim, quer discutir comigo sobre a igreja. Mas! Nem sabe a raiva que eu tenho de pessoa metida a santa que gosta de corrigir os outros.
Outra vez entrou um obreirinho da igreja aqui no meu blog para me esculhambar, achando que o anonimato seria para sempre. Quebrou a cara! Porque eu sou ruim e o cabelo ainda ajuda.
Mas ultimamente, além de bruta, eu ando seca. Sei não o que é isso. Estou fria. Racional. Realista. Sem ilusões. Tratei uma amiga assim através de e-mail, justo ela que sempre esteve comigo nos me…
"Tudo neste mundo tem o seu tempo; cada coisa tem a sua ocasião.
Há tempo de nascer e tempo de morrer;
tempo de plantar e tempo de arrancar;
tempo de matar e tempo de curar;
tempo de derrubar e tempo de construir.
Há tempo de ficar triste e tempo de se alegrar;
tempo de chorar e tempo de dançar;
tempo de espalhar pedras e tempo de ajuntá-las;
tempo de abraçar e tempo de afastar.
Há tempo de procurar e tempo de perder;
tempo de economizar e tempo de desperdiçar;
tempo de rasgar e tempo de remendar;
tempo de ficar calado e tempo de falar.
Há tempo de amar e tempo de odiar;
tempo de guerra e tempo de paz.
Deus marcou o tempo certo para cada coisa. Ele nos deu o desejo de entender as coisas que já aconteceram e as que ainda vão acontecer, porém não nos deixa compreender completamente o que ele faz".

E você não sentirá o tempo passar, pois Deus encherá o seu coração de alegria.

Tudo o que se passa neste mundo já foi resolvido há muito tempo. Antes de uma pessoa nascer, já está de…
"O mundo girou e me deixou aqui
Justo onde eu estava antes de você aparecer
E em seu lugar, um espaço desocupado
Foi preenchido o vazio bem atrás de meu rosto
Eu apenas fiz amor com sua doce lembrança
Um milhão de vezes em minha mente
Você disse que amava isto mais que tudo
Você disse
Você continuou, você mudou
Foi se tornando melhor a cada dia
Eu conversei por horas com a tua foto
E você apenas escutou
Você foi e se encantou por meu intelecto
Ou talvez não
Você acredita no que eu canto agora?


(The World has turned and left me here - Weezer)

Você já foilá?Vai que o tema está acabando e os posts estão de partir o coração.

Desculpem, mas apaguei o post anterior sem querer.

(postando diretamente de Salvador-BA. Não, não vim passear, estou a serviço. E quanto serviço!)

Parece com quem?

Imagem
Parece com quem?


Parece comigo?

(Drawing: made by Octávio
Photo: Fábio´s mobile phone)
Imagem
"(...)Tua presença é qualquer coisa
como a luz e a vida

E eu sinto que em meu gesto existe o teu gesto
e em minha voz a tua voz
Não te quero ter porque
em meu ser está tudo terminado.
Quero só que surjas em mim
como a fé nos desesperados 
"

(Ausência - Vinícius de Moraes)

Fé nos desesperados? Nossa, como Vinícius era exagerado...
Imagem
"Ao fechar a porta do quarto de Sohrab, fiquei imaginando se era assim que brotava o perdão, não com as fanfarras da epifania, mas com a dor juntando as suas coisas, fazendo as suas trouxas e indo embora, sorrateira, no meio da noite".
(Khaled Hosseini - O Caçador de Pipas)



´Cabei!
Meu Deus, como chorei com esse livro! Chorei tanto que fiquei com os olhos ardendo. Que livro triiiiiiste! Affe!!!

Meu Deus, como sofro! Feriadão e eu tendo que ir trabalhar. Estou agora tontinha, nem sei mais que dia é hoje.

E meu carro que não sai da oficina. Parece que já se passou um século.

Ontem, dia das crianças, minha cunhada me chama pra um almoço com a sobrinhada na casa dela. Comprei 5 presentinhos para os 5 sobrinhos-diretos de Fábio, mas nem me toquei que as meio-irmãs dele também iriam com os filhos e uma neta (sim, Fábio já é tio-avô, mesmo só tendo 25 anos). Pense no problema! 14 milhões de crianças e a sobrinha mais velha de Fábio veio logo me cobrar: "Você não lembrou da minh…

Pisei em rastro de corno - Parte II

Fiquei aqui relutando pra não ter que falar sobre esse assunto. Mesmo depois de uma semana, às vezes quando fecho meus olhos posso sentir meu coração se partindo ao ouvir o barulho do impacto. Agora eu tenho certeza que pisei mesmo emrastro de corno.

Na hora eu não quis acreditar que tinha acontecido de novo. Abri os olhos e permaneci sentada. Parada. Incrédula. Em menos de um ano arrombaram a porta do meu carro duas vezes: a primeira pra roubar o som, meu som, tão caro, tão chique; a segunda vez, de maldade, roubaram o caderno e a farda de Fabinho. E pensar que naquela noite eu pressenti, e tanto falei pra não deixar nada dentro do carro que ninguém atentou para o diacho daquela sacola velha de plástico esquecida no banco traseiro. Fiquei só com o prejuízo enquanto Fábio lamentava o assunto da faculdade que tinha perdido. É incrível como eles danificam a tranca da porta, não dava pra abrir direitinho sem deixar aquele buracão? São uns incompetentes mesmo esses ladrões.

Em fevereiro, po…

Banheiros Públicos

Imagem
Mais um post pra quem nao tem o que falar.

(veja episódios passados aqui!)

ATENÇÃO: Esse é mais um daqueles posts de quem não tem o que falar.
E se você é uma dessas pessoas que sempre esperam que os outros tenham o que falar, que só escrevam em seus blogs coisas interessantes e se escandalizam com posts sem conteúdo, então não recomendo a leitura deste.
Banheiros Públicos

Tem coisa mais constrangedora do que ir a banheiros públicos? Aquela meia-parede que não lhe deixa nem um pouco à vontade, aquela divisória que não lhe dá nenhuma privacidade, uma brecha na tranca na porta por onde você vê as pessoas esperando você sair do lado de fora e, enquanto se equilibra pra não sentar naquele vaso imundo, com a outra mão segura a porta tapando a brecha indiscreta.

Tem banheiro que dá até pra ouvir o outro fazendo força, um "Hum... hum!" espremido, o xixi caindo na água, o "plof-plof" do cocô. (Engraçado, meu xixi tem cheiro de pipoca... sempre quis comentar isso com alguém.…
Imagem
Finalmente terminei de ter o livro Quase Tudo de Danuza Leão.
Apesar de não conhecer metade das celebridades que ela cita no livro, até que a leitura foi interessante.
A forma como fala da morte dos seus ex-maridos, seu filho, sua irmã e sua mãe é comovente.
Agora eu não entendi porque ela sempre diz que a grana era curta, mas viajava o mundo inteiro e estava sempre em festas.
Queria eu ter uma grana curta assim.

Beijo é bom

Imagem
"Eu quero mais que um, mais que mil, mil e um,
Beijo é muito bom
mais que mil mais que bom..."
Beijo é bom


Quem não gosta de beijar? Beijo é bom, né?
Quando éramos adolescentes, eu e minhas primas catalogávamos os ficantes pela forma de beijar. Não que a gente ficasse com muitos, mas juntando todos de todas, dava uns vinte e resenhas de montão.

Língua de Fuso tinha uma forma estranha de beijar. Pregava os dentes no lábio superior da menina e com a língua rotacional e nervosa percorria toda a concavidade bucal, descobrindo até possíveis cáries. Uma coisa horrorosa!
Língua de Fuso era até bonitinho, mas brega de dar dó.
Certo dia ele espiou a cor do meu sutiã pelo decote da blusa e disse: "Sabe qual a minha cor favorita?"
Eu, incrédula: "Não."
Ele: "Hã, hã, tem muita coisa sobre mim que você precisa saber".
E completou piscando o olho e dizendo "miau".
Minutos depois minha prima vem correndo me contar que Língua de Fuso tinha acabado de di…
"Não podemos retomar os caminhos percorridos.  A vida é o momento e a quota de erros e acertos que cometemos".
"NÃO EXISTE JEITO CERTO DE FAZER A COISA ERRADA". Ainda pensando nisso
ESTOU CONTRARIADA. E ponto final.

Correr atrás do vento

Imagem
"Então olhei de novo para toda a injustiça que existe neste mundo. Vi muitos sendo explorados e maltratados. Eles choravam, mas ninguém os ajudava. Ninguém os ajudava porque os seus perseguidores tinham o poder do seu lado.

Por isso, cheguei a esta conclusão: aqueles que morreram são mais felizes do que os que continuam vivos.

Porém mais felizes do que todos são aqueles que ainda não nasceram e que ainda não viram as injustiças que há neste mundo.

Também descobri por que as pessoas se esforçam tanto para ter sucesso no seu trabalho: é porque elas querem ser mais do que os outros. Mas tudo é ilusão. É tudo como correr atrás do vento.

Dizem que só mesmo um louco chegaria ao ponto de cruzar os braços e passar fome até morrer.

Pode ser. Mas é melhor ter pouco numa das mãos, com paz de espírito, do que estar sempre com as duas mãos cheias de trabalho, tentando pegar o vento.

Descobri que na vida existe mais uma coisa que não vale a pena: é o homem viver sozinho, sem a…
Está ficando cada vez mais difícil conviver diariamente com gente tão mesquinha.
Agora mesmo eu só queria sumir daqui. Puff! Só deixando uma fumaça mágica.
Todo dia eu peço a Deus pra me dar outro emprego.
Alguém mais aí quer orar por mim também?
Estou precisando e serei enormemente grata.
Triste. Tristinha.
Engordei. Engordei, não, ganhei massa muscular. Quase 50Kg. Obesa. Uma bunda do tamanho do Brasil. Pernas quase torneadas. Gostosa. Será que a Jennifer Lopez tem problemas com a bunda dela? É que eu nunca vi tantas referências a mim por causa dessa parte do meu corpo. Já tá enchendo o saco.
Mas não é por isso que estou triste. Cansada de passar o dia inteiro com pessoas mal-amadas. Tento ser agradável, mas só tomo patada. Agora entro muda e saio calada. Cansada. Proibida de viver. Proibida de rir ou conversar:

- Fulano, você teve que devolver o cachorrinho que comprou?
- Não quero falar nesse assunto.

- Sicrano, o que foi? Você falou que está com muita coisa pra fazer...
- Afe, como você é chata. Cala a boca.

(...)

:(

A gente se acostuma...mas não devia

Imagem
A gente se acostuma a morar em apartamentos de fundos e a não ter outra vista que não as janelas ao redor.
E porque não tem vista, logo se acostuma a não olhar para fora.
E porque não olha para fora, logo se acostuma a não abrir de todo as cortinas.
E porque não abre as cortinas logo se acostuma a acender cedo a luz.
E a medida que se acostuma, esquece o sol, esquece o ar, esquece a amplidão.

A gente se acostuma a acordar de manhã sobressaltado porque está na hora.
A tomar o café correndo porque está atrasado.
A ler o jornal no ônibus porque não pode perder o tempo da viagem.
A comer sanduíche porque não dá para almoçar.
A sair do trabalho porque já é noite.
A cochilar no ônibus porque está cansado.

A deitar cedo e dormir pesado sem ter vivido o dia.
A gente se acostuma a esperar o dia inteiro e ouvir no telefone: hoje não posso ir.

A sorrir para as pessoas sem receber um sorriso de volta.
A ser ignorado quando precisava tanto ser visto.
A gente se acostuma a pagar por…
Imagem
Gostei!
Vá lá, vá!


Imagem
Esperar - (Maninho)

Passar e não perder de vista
Andar e não contar os passos

Falar sem perder a linha
Tocar sem poupar o tato

Há tanto tempo espero
Que nada me parece longe

Continuo passando
Andando
Falando
Tocando

Se a espera
Por somente força própria
Motiva a tudo isso
Que o amar seja o motivo eterno
De continuar esperando

Não me faça te pegar nojo

Imagem
E me deixe, que hoje eu tô azeda! Mas quanto mais eu rezo, mais assombração me aparece!
Ultimamente tenho dado de cara com cada tipo de gente que Deus me livre. Ô povinho complexado! Estou começando a achar que o problema é comigo, só pode, porque eu nunca vi ninguém atrair tantos problemáticos como eu.
Começando pelo povo da Reforma, que não sei por que cargas d´água eu continuo insistindo em pensar que são gente boa. Na verdade eu nunca vi um lugar pra ter tanta gente mesquinha.
Discuti com uma ex-amiga da igreja no orkut e depois por e-mail. Tudo isso por causa do babado de ter sido expulsa do grupo da igreja. Aliás, eu fui literalmente expulsa da igreja, mas isso é outra história. O que eu quero dizer é que no meio da confusão fiquei sabendo que outro amigo (também componente do grupo) deu graças a Deus por eu ter saído, e completou dizendo: "Deixa essa encrenqueira ir, só é uma pena por causa do carro e dos cds dela". Pense o quanto eu fiquei decepcionad…

Eu mereço!

Imagem
"Quando tu passas por mim
Por mim passam saudades cruéis
Passam saudades de um tempo
Em que a vida eu vivia a teus pés.
Quando tu passas por mim
Passam coisas que eu quero esquecer
Beijos de amor infiéis, juras que fazem sofrer
Quando tu passas por mim,
Passa o tempo e me leva pra trás,
Leva-me a um tempo sem fim
A um amor onde o amor foi demais.
Eu que só fiz te adorar e de tanto te amar
Penei mágoas sem fim,
Hoje nem olho pra trás
Quando tu passas por mim".


Não, definitivamente, eu mereço!
Se eu acreditasse em outras vidas, eu poderia jurar que fui uma pessoa muito má em outras encarnações. Eu devo ter escarrado no pão da santa ceia ou colado chiclete na cruz, só pode.
Ontem depois de um dia bucólico onde intercalei banhos de sol com banhos de piscina e de chuva, num sítio agradável com a companhia do meu namorado, chego em casa, tiro um cochilo e sou acordada por uma ligação indesejada.
Atendo sonolenta e rouca:

- A-lô...
- Erika?
- Hum...…

Carta de amor recebida a algum tempo atrás.

Imagem
Todas cartas de amor são ridículas, mas essa é no mínimo, criativa. Encontrei por acaso na minha caixa de e-mail e achei que tinha que deixar aqui registrado.
Carta de amor recebida a algum tempo atrás.

"hum... Será que eu devo pedir, para a fábrica de sabonete, permitir que eu beije cada sabonete, para que o meu beijo chegue ate voce, na hora em que voce tomar uma ducha... no calor que faz... nessa cidade linda?...
Ohhhh... Mas assim os meus beijos podem atingir outras pessoas!!! E isso nao pode acontecer, pois os meus beijos sao só seus...

Eu abri, no meio da floresta, um buraco numa rocha. Foi dificil. Foi muito dificil. Quando eu terminei, eu cavei a terra. Toneladas de terra eu tirei de lá de dentro. Atingi novamente uma camada de rochas. Estava escuro. Eu só podia tentar quebra-las quando o sol estava alto. À noite, enquanto eu descansava, eu falava com os bichos da floresta. As corujas e os grilos sao muito amigaveis. Questionavam o motivo de eu estar fazendo …

Pequenos bons momentos da vida.

Imagem
Dias desses aí eu aceitei participar de uma festa na academia.
Até o último dia eu estava relutante, mas reclamaram que eu nunca participava de nenhum dos eventos, então acabei aceitando. Enfim, pensei que é sempre bom aproveitar cada minutinho da vida, nem que seja pra fazer um programa de índio, numa academia bizarra com seres antológicos e caricatos.

Cheguei atrasada propositadamente e estranhei quando vi a academia vazia, alguns gatos pingados na porta e o povo meio desanimado.
Já entrei com vontade de rir, mais ainda quando eu vi o cara-mais-lindo-da-academia em pé, folheando uma revista de halterofilismo com a maior cara de quem diz: "O que é que eu vim fazer aqui?"
Acabei me aproximando dele e conversa vai, conversa vem, eu rindo pra me acabar, mangando da situação, o professor chama pra começar a festa.

O professor é o personagem mais interessante da academia e nem podia ser diferente.
O bichinho fez uma cirurgia na cabeça e acabaram deixando uma …