Postagens

Mostrando postagens de 2003

O ÚLTIMO DIA DO ANO

Recebi algumas mensagens do "Capitão Gay" ( o mensageiro eletrônico da DESO)

A Marise me enviou:

"QUE DURANTE O ANO DE 2004, O SENHOR JESUS TE GUARDE CONTINUAMENTE,
FARTE A TUA ALMA ATÉ EM LUGARES ÁRIDOS,
FORTIFIQUE OS TEUS OSSOS E SERÁS COMO UM JARDIM REGADO,
COMO UM MANANCIAL CUJAS ÁGUAS JAMAIS FALTAM,
PORQUE OS QUE NELE CRER DE SEU INTERIOR FLUIRÃO RIOS DE ÁGUA VIVA,
E O DEUS DE TODA GRAÇA, VOS HÁ DE APERFEIÇOAR,
FIRMAR, FORTIFICAR E FUNDAMENTAR DURANTE O ANO VINDOURO
E QUE A VERDADEIRA PAZ,
A PAZ QUE EXECEDE TODO ENTENDIMENTO,
A PAZ DO SENHOR JESUS ESTEJA SEMPRE COM VOCÊ,
É O QUE DESEJO DE CORAÇÃO ABERTO".

Milício Florêncio também escreveu:

"Não importa quantos passos você deu para trás em 2003, o importante é quantos passos você vai dar para frente em 2004."
Feliz 2004 e que ele chegue repleto de paz, alegria, saude e muitas felicidades.(Milício Florêncio)

E a Kelly desejou:

"UM 2004 COM MUITA PAZ, SAÚDE,AMOR, FÉ E H…
Dormi quase 12 horas, tanto que acordei hoje sem graça.
Pensei que tinha morrido... e é estranho acordar sem sono, antes do despertador.
Ôxe, acho que o calor de ontem me deixou grogue! E eu queria tanto assistir pela milionésima vez o "Trigue" e o "Dagrão".
Imagem
"E esqueço que amar é quase uma dor..." (Djavan)
Se amar é quase uma dor, estar apaixonado é a dor por completo.
E a paixão não-correspondida é a morte, das mais agonizantes.
Só conhece a sua intensidade quem já a sentiu.
E quem já a conhece, não a quer nunca mais.
Mas todo mundo quer amar e ser amado um dia.

Já contei o meu prazer mórbido em ouvir histórias de amores fracassados.
Também gosto de músicas como esta abaixo, que doem na alma, como diz minha prima Andréa, "roedeira das brabas".
Quando assisto filmes românticos gosto até dos finais tristes...


Knife

(Rockwell)

You touched my life
With your softness in the night
My wish was your command
Until you ran out of love

I tell myself I'm free
Got the chance of living just for me
No need to hurry home
Now that you're gone

Knife
Cuts like a knife
How will I ever heal
I'm so deeply wounded
Knife
Cuts like a knife
You cut away the heart of my life


When I pretend
Wear a smile t…

O filho do homem

Imagem
(Vinícius de Moraes)

O mundo parou
A estrela morreu
No fundo da treva
O infante nasceu.

Nasceu num estábulo
Pequeno e singelo
Com boi e charrua
Com foice e martelo
Ao lado do infante
O homem e a mulher
Uma tal Maria
Um José qualquer.

A noite o fez negro
Fogo o avermelhou
A aurora nascente
Todo o amarelou.

O dia o fez branco
Branco como a luz
À falta de um nome
Chamou-se Jesus.

Jesus pequenino
Filho natural
Ergue-te, menino
É triste o Natal.



Depois das 11:30 da noite, até que o Natal não foi de todo ruim.
Kedmma e Iris passaram aqui em casa e a gente resolveu seqüestrar Jamille, onde quer que ela estivesse, para que nos juntássemos a Gislene, e então, as cinco abandonadas chorariam as mágoas até altas horas.
Só que, não sei se infelizmente, nossos planos foram por água abaixo e rimos a noite inteira até o dia amanhecer.

Encontramos Jamille na casa da tia e então aproveitamos para filar a ceia de Natal da família da amiga.
Atent…
Imagem
Do alto da minha auto-comiseração, estou hoje me sentindo o próprio Grinch*.
Estou só, numa caverna, e ninguém ligou pra mim, a não ser meu cachorro Max.
Mas devo ficar contente ganhei o meu primeiro e único cartão de Feliz Natal ontem da minha amiga Nay, entregue pelas mãos do gato Garfield.

E foi com Nayanne com quem assisti hoje mais um filme de Natal emocionante (detalhe: eu chorei assistindo Grinch).
Dessa vez não tinha nenhum mostrengo horroroso, mas nada mais, nada menos que Rodrigo Santoro e Hugh Grant, entre outros.
O filme "Simplesmente Amor", simples, romântico e "mencionante", infelizmente nos deixou mais deprimidas... mas, fazer o quê?

Lembro que andei declarando aqui que detesto o Natal, isso é verdade, ainda que não seja de todo.
Gosto de festa, de muvuca, de aglomeração, de calor humano... mas no Natal, percebo que as pessoas ficam muito mais achegadas a sua família e como minha família está um pouquinho longe, acabo sozinha... como a…

Hoje eu só queria morrer em paz!!!!

Imagem

Não Sei Dançar

(Alvin L.)


Às vezes eu quero chorar
Mas o dia nasce e eu esqueço

Meus olhos se escondem
Onde explodem paixões
E tudo que eu posso te dar
É solidão com vista p'ro mar
Ou outra coisa p'rá lembrar
Às vezes eu quero demais
E eu nunca sei se eu mereço

Os quartos escuros pulsam
E pedem por nós
E tudo que eu posso te dar
É solidão com vista p'ro mar
Ou outra coisa p'rá lembrar
Se você quiser eu posso tentar mas
Eu não sei dançar
Tão devagar p'rá te acompanhar

Ai, juro que tentei!

Eu tentei acordar pra ir à reunião de jovens hoje à tarde, mas parecia que eu estava desmaiada.  Parecia que eu tinha tomado aqueles remédios malditos que dão um sono miserável.  Alguém me ligou um milhão de vezes no celular, e todas as vezes eu desliguei sem nem saber quem era.  Eu estava muito cansada... sábado é dia de descanso... então...  Mas eu já tinha programado minha vida pra hoje à noite.  Eu ia pra igreja de tarde, pegava os meus CDs com Lívia, ensaiava alguma música e depois intimava alguém a ir ao supermercado fazer compras comigo.  Eu tenho que comprar alguma coisa! Na minha casa não tem mais nada e só tem eu e eu pra resolver isso.  Mas eu detesto fazer compras de supermercado!  Aí você vai me dizer, como todo mundo que eu conheço: "Ah, eu gosto muito! Qual é o problema?"  O problema é: tira da prateleira, depois de uma análise minuciosa dos preços, e coloca no carrinho.  Tira do carrinho e coloca na esteira do caixa. De lá, as compras vão de novo pro carrinho.  Tira d…
Imagem
Eu e as filhas do pastor Josias, Rízzia e Dayse, em Goiânia.

Ontem parece que foi o dia dos "Finados".
Resolveram ressuscitar e ligar pra mim.
Foi, de certa forma, desagradável.

"Quanto tu passas por mim
Por mim passam saudades cruéis
Passam saudades de um tempo
Em que a vida eu vivia aos teus pés
Quanto tu passas por mim
Passa o tempo e me leva para trás
Leva-me a um tempo sem fim
A um amor, onde o amor foi demais
E eu que só fiz te adorar
E de tanto de amar, penei mágoas sem fim
Hoje nem olho para trás
Quando tu passas por mim"



Pra um amigo especial!!!! Obrigada pelas dicas!

Definitivamente preciso de um carro.
E de um namorado.
Mas Carlos Drummond de Andrade um dia me disse, com uma voz cheia de sabedoria, que:
"Namorado é a mais difícil das conquistas.
Difícil porque namorado de verdade é muito raro.
Necessita de adivinhação, de pele, saliva, lágrima, nuvem, quindim, brisa ou filosofia.
Paquera, gabiru, flerte, caso, transa, envo…
Vi essas preciosidades no blog da Sarinha, e não consegui me conter!
Eu tinha que deixar registrado aqui.
Aos homens que já andaram por lá e se irritaram, mil perdões, mil beijinhos...

Assunto: A + pura verdade

Como chamamos um homem que perdeu sua inteligência ?

Viúvo.

Por que a psicanálise é mais rápida para os homens ?
Porque quando dizem para ele voltar à infância, ele já está lá !

Como é que os homens fazem exercício na praia ?

Encolhendo o estômago e estufando o peito toda vez que passa um biquíni.

Como você sabe que um homem está mentindo ?

Quando seus lábios estão se mexendo.

Por que os homens não se deitam na areia da praia ?
Porque tem medo de que os gatos o enterrem.

Por que Deus criou o homem antes da mulher ?
Porque antes de uma obra-prima, faz-se um rascunho qualquer.

Por que o cachorro não morde o seu dono que é homem ?
Ética profissional.

Por que os homens preferem as virgens ?
Porque eles não suportam críticas.

Qual a diferença entre a cabeça de um prego e a ca…

Estou pra lá de vazia hoje.

Imagem
Vazia e sem vontade de fazer nada.
Nem vontade de postar eu estou tendo.
Tô como esse bonequinho aí embaixo... desanimado!
Amore... me dá beijinhos virtuais pra ver se eu fico melhorzinha... pena você estar tão longe... :-(

Mas, vamos ao que interessa.
Eu sei que o que interessa são fotos... hoje eu resolvi colocar umas fotos bem antigas, outras nem tanto, umas ridículas, outras cômicas, todas marcantes, registros de momentos especiais na minha vida.
A qualidade não tá essas coisas, mas, querido amigos, colegas, inimigos e indiferentes... enjoy the party!

O mês de fevereiro nunca mais foi o mesmo depois que nasceu esse lindo bebê.
Olha que coisa "gotosa". Minha mãe diz que eu era liiiinnnda! (O que será que aconteceu comigo?)
Baiana e um pouquinho preguiçosa (mas só um pouquinho), demorei a nascer e só estreei mesmo depois das 10 horas, com o sol alto.
O médico, incoveniente e inoportuno, do nada, me bateu pra ver se eu acordava e eu só dei um chorinho e vo…
"Só as boas moças fazem blog,
as más nunca têm tempo"
(isso também serve p´ros garotos)

Não sei se coloco as fotos polêmicas hoje ou deixo pra amanhã... o que vocês acham?
A minha eu não "scanniei" ainda, mas estou com vergonha de colocá-la aqui, sei lá... qual será a opinião de D. Isa?
Eu devo ou não devo postar a minha foto de biquini, me expondo assim de tal forma, despertando desejos... acho que não vou postar ela aqui não. I´m sorry!
De qualquer forma, hoje tem fotos "bizarras".

Sei que sou um doce, mas não sou MEL

Imagem
Pra acabar com as dúvidas de uma vez por todas.

Que coisa! Não sei por que cargas d´água sempre sou culpada justamente por aquilo que não fiz.
Minha prima Andréa sabe disso e sempre diz: "Ô, sangue doce!"
Minha amiga Lívia também sabe... e sempre quando tem alguma confusão na igreja, ela diz... "vai sobrar pra você!"
É incrível, até na queda do World Trade Center me atribuíram uma parcela de culpa.
Misericórdia!
Então, mais uma vez vou tentar me defender:
Guilherme e Pri-MR, EU NÃO SOU A MEL.
Se vocês não acreditam, então não perguntem.



Amore,
Essa poesia é pra você.
;-)


"Como sempre escondi minha paixão,
ninguém soube do primeiro beijo que te dei
Ninguém não é a inteira verdade
Mas são tão relativos os desconhecidos.

(...)

E quanto é mais intenso amar sem comentários
Mas eu sonho que vou agarradinha no seu braço
Numa rua cheia de amigos, de soldados, de conhecidos".

(Mário de Andrade)




Eu prometi que ia colocar as fotos de Recife onte…

Voto de Boas Festas!!!!

Imagem
(e-mail enviado por Fernando Fervasp)

Dois dias que passo fora e fazem do meu blog-casa uma verdadeira casa de mãe Joana.
Tava parecendo o blog do Guilherme...
Logo que vi os 17 comments, pensei: "Que bom, meus amigos sentiram mesmo saudades de mim!
Que nada! Acho que só 1 ou 2 eram pra mim, o restante era um verdadeiro bate-papo.
Kedmma e o tal do Hemorróida fizeram uma festa!
Ela até trouxe cerveja e colocou na minha geladeira de crente. Que absurdo!
Vi neguinho com os pés em cima do sofá, assistindo DVD, comendo, sujando tudo... teve gente que entrou, ficou caladinho, mas isso porque estava roncando na minha cama, no maior sono.
Olha, a sorte de vocês é que eu adoro uma muvuca. Dessa vez, passa!
Obrigada por não terem sentido a minha falta.

Hemorroidazinha do coração, COBRADORA DE ÔNIBUS INTERESTADUAL, foi o fim!
Vi-me com aquelas fardinhas ridículas, me equilibrando no busão, com uma caneta na mão, tirando a passagem do povo.
Antes de viajar, Emanule praticame…

A história de Tigrinho

HISTÓRIAS DA VIDA REAL
Hoje tem uma historinha boba e verídica, pra descontrair o dia. É meio comprida... é, é só pra quem tá com paciência mesmo.
Eu o encontrei em uma dessas ruas, jogado em um calçada, magro, assustado e cheio de parasitas.
Ele era belo (e ainda é!): uma beleza nórdica, diferente, lindos olhos azuis.
Eu o vi e logo o amei. Levei-o pra casa e cuidei dele. Adotei-o como um filho, amando-o e educando-o.
O tempo passou rápido e logo veio a adolescência.
Não se conformava mais com o espaço pequeno do apartamento, queria o mundo...
Às vezes subia nas cortinas e ficava lá em cima por um bom tempo, sabe-se lá pensando em quê, olhando, talvez, o seu mundinho, de cima, em busca de uma saída.
Tornou-se um rebelde, revoltado e até violento.
Atacava-me constantemente e muitas vezes de forma que me machucava visivelmente.
Por várias vezes tentei compreendê-lo, mas era tudo em vão, não aceitava os meus carinhos, não queria o meu afago.
Talvez quisesse apenas morrer...…

O amor vem pra cada um

Imagem
(Zizi Possi)

Vá e entre por aquela porta ali
Não tem caminho fácil não!
É só dar um tempo que o amor
Vem pra cada um
Fique feliz, na boa e tudo vem
Mas nunca chove sem molhar
É só dar um tempo que o amor
Chega até você
Seu coração
Tem algo que nunca muda
Mas que também
Não envelhece nunca
Seu coração...
Sério, eu vejo tudo melhorar, lá
É só bater na porta e abrir
Bem que eu disse pra você que
O amor vem pra cada um

11 de Dezembro - DIA DO ENGENHEIRO

Imagem
(e se sobrar um tempinho, do Arquiteto e do Agrônomo)
"Não somos deuses, mas construímos o mundo"(Uau!)



Na verdade quase ninguém no trabalho lembrou.
Só Marcus que chegou dando os parabéns (alguém lembrou a ele) e nem assim eu consegui lembrar o por quê.
Que desprezo!
Mas,

"Passar uma tarde em Itapuã..."

Imagem
Quem já ouviu essa música?

Tarde Em Itapuã
Vinicius de Moraes / Toquinho

Um velho calção de banho (no meu caso era um biquini colorido, semi-novo)
O dia pra vadiar (isso sim!)
Um mar que não tem tamanho (e lindo de morrer!)
E um arco-iris no ar
Depois na praia Caymmi
Sentir preguiça no corpo
(pra não perder o costume de ser baiana)
E uma esteira de vime
Beber uma água de côco


É bom (demais da conta, sô!)
Passar uma tarde em Itapuã
Ao sol que arde em Itapuã
Ouvindo o mar de Itapuã
Falar de amor em Itapuã


Enquanto o mar inaugura
Um verde novinho em folha
Argumentar com doura
Com uma cacha de rolha
E com olhar esquecido
No encontro de céu e mar
Bem devagar ir sentindo
A terra toda a rodar


É bom
Passar uma tarde em Itapuã...


Depois sentir o arrepio
Do vento que a noite traz
É o diz-que-diz-que macio
Que brota dos coqueirais
E nos espaços serenos
Sem ontem nem amanhã
Dormir nos braços morenos
Da lua de Itapuã


É bom
Passar uma tarde em Itapuã...




Domingo de sol... mar …

CHEGUEEEEEI!!!!!!

Imagem
Faz tempo que estou tentando postar, mas está sempre congestionado...
Nossa, quanta gente fazendo blog!
Eu nem ia entrar agora de noite. Estava ao telefone conversando com meu amigo Raul,
depois de colocar as fofocas em dia com Kedmma, e aí deu saudade dos meus amigos virtuais.
E aí? Como passaram esses dias sem mim? Eu morri de saudades de vocês.
Estou pra lá de cansada. Cheguei de Maceió 5 horas da manhã e fui trabalhar às 7, sem comer nada.
A manhã foi um corre-corre só e não deu tempo de comer, nem de contar as novidades a Nel, que também estava em Salvador neste final de semana, mas nós não nos encontramos por lá.
Nem almocei, fiquei direto no trabalho até 3:30 e então fui pra aula de Projetos Elétricos, depois pra aula de Tratamento de Esgoto e depois pra casa, porque eu não aguentava mais de tanta fome, e não tinha mais energia pra ir à aula de Espanhol.

É muito bom viajar... mas melhor ainda é chegar em casa... como já disse antes, estou começando a amar Aracaj…