Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2013
As coisas que podemos tocar não são eternas."Não há nada nesse mundo a se apegar. Somente sem o apego, podemos ter aquilo que desejamos".(O Tigre e o Dragão)
Incrível como minha intuição nunca falha, como meu sexto sentido funciona tão bem, como consigo fazer uma leitura da personalidade de uma pessoa em poucos segundos de contato e nunca ser equivocada nas minhas conclusões. Eu sempre teimo com o que sinto. O cérebro quer raciocinar e procurar motivos que justifiquem, mas não há, só o tempo pode mostrar. E sempre mostra.

Dia cheio de boas surpresas.

Fiz o que tinha de fazer, pedi desculpas a quem sempre guardará rancor de mim. Mas me sinto liberta, estou livre e com consciência tranquila. 
À noite o cumprimento de uma promessa de Deus na minha vida. Porque Ele não mente e não falha. Assim creio. 
Feliz. Feliz por demais! 
Sonhar mais um sonho impossível Lutar quando é fácil ceder Vencer o inimigo invencível Negar quando a regra é vender
Sofrer a tortura implacável Romper a incabível prisão Voar num limite improvável Tocar o inacessível chão
É minha lei, é minha questão Virar este mundo, cravar este chão Não me importa saber Se é terrível demais Quantas guerras terei que vencer Por um pouco de paz
E amanhã se este chão que eu beijei For meu leito e perdão Vou saber que valeu Delirar e morrer de paixão
E assim, seja lá como for Vai ter fim a infinita aflição E o mundo vai ver uma flor Brotar do impossível chão
(Maria Bethania - Sonho Impossível)
"Mas toda vez que eu procuro uma saída, acabo entrando sem querer na sua vida"...

Assédio

Lembrar as coisas que o maldito gerente me fez me deixa tão mal, tão pra baixo, de uma forma que ninguém consegue imaginar. Já contei e recontei a mesma história na denúncia ao sindicato, à ouvidoria, aos advogados. Todas as vezes é como se eu mesma estivesse metendo o dedo na ferida e futucando até sangrar. Tive que tocar no assunto mais uma vez, dessa vez com o diretor da empresa, que fingiu estar preocupado com meu bem estar, mas na verdade a preocupação era com a responsabilidade atribuída a empresa através do comunicado enviado pela Ouvidoria.

Mesmo tendo a certeza que a conversa com o diretor surtirá grandes efeitos, saí daquele Café arrasada. Não chorei no shopping pra não dar gosto ao cão. Não chorei em casa porque tinha que tratar com a diarista e o marceneiro. Não chorei de tarde porque era vergonha chorar durante o curso numa sala lotada. Mas quando caiu a noite, quando reparei naquele por-do-sol triste das 17:30, a sensação de "corda arrebentando do lado mais fraco&q…

Mão única

Imagem
Triste pela via ser só de mão única.  É só "venha a nós"; "vosso reino", na-da.
E eu sempre peço tão pouco.  Hoje eu só queria um abraço, mas a pessoa nem se importou.  Nem sempre é a dor física que dói mais, um joelho machucado dói, mas não tanto quanto um coração magoado. Pelos menos pra um tem-se analgésico. Para o outro não.  Mas eu entendo... ninguém tem obrigação de suportar as dores dos outros. Coisa chata é ouvir lamentação... mas é que hoje ninguém precisava me ouvir, eu só queria mesmo um abraço.

Ironicamente, hoje é o dia do abraço...






Seca

Morrendo de chorar com o Profissão Reporter. Que triste a seca no sertão. Realidade tão dura e tão próxima.

Não sou profeta
Nem tão pouco visionário
Mas o diário
Desse mundo tá na cara
Um viajante
Na boléia do destino
Sou mais um fio
Da tesoura e da navalha
Levando a vida
Tiro verso da cartola
Chora viola
Nesse mundo sem amor
Desigualdade
Rima com hipocrisia

Não tem verso nem poesia
Que console um cantador
A natureza na fumaça se mistura
Morre a criatura
E o planeta sente a dor


O desespero
No olhar de uma criança
A humanidade
Fecha os olhos pra não ver
televisão de fantasia e violência,
aumenta o crime
Cresce a fome e o poder


Boi com sede bebe lama
Barriga seca não dá sono

Eu não sou dono do mundo
Mas tenho culpa, porque sou
Filho do dono

(Dono do Mundo - Flávio José)

Mais férias

Agora que a brincadeira estava ficando boa, chegou a hora de voltar. Ainda tínhamos tanto lugar legal pra ir, para conhecer, para desvendar: Praia de Carneiros, Calhetas, Itamaracá, Fernando de Noronha...


Depois de 10 dias de (mais?) férias, estou cansada, queimada do sol, vermelha que nem pimentão, porém feliz. No meu olhar só tem o azul do mar pernambucano, no corpo, o calor que só o sol do nordeste tem.

Foi muito bom. Back to the real life, then!

Pedra que não rola cria limo

Eu tinha, então, minha vida todo planejada. Eu tinha, enfim, a certeza do que queria, como queria e quando queria. Eu via, visualizava, nas barras do gráfico de Gantt, quando cada evento deveria acontecer. Mesmo que tivessem atrasos ou adiantamentos, eu sabia que cada fase deveria ser completada, cada evento seria realizado, o projeto ia ser concluído. O projeto que me foi dado por Deus. O meu projeto de vida. Mas é como dizem, quando a gente pensa que sabe todas as respostas, vem a vida e muda todas as perguntas. E eis-me aqui reprogramando o trajeto pela enésima vez. Again and again. Mas nem por isso revoltada, triste ou desanimada. Muito pelo contrário. Não fui eu que pedi que a minha vida não fosse mais a mesmice de dias, lugares, pessoas e assuntos iguais?  O medo que tenho de ficar presa anos e anos ao mesmo trabalho, ao mesmo lugar, à monotonia das mesmas paisagens, estradas, ruas, paredes iguais. Às mesmas conversas nos mesmos botecos e mesmas histórias de amores casuais. Às m…

Conciliar

A palavra de hoje é essa.
Pensando aqui em como conciliar tantas coisas que quero ou tenho que fazer.

Somos tão jovens

Imagem
Uma menina me ensinou
Quase tudo que eu sei
Era quase escravidão
Mas ela me tratava como um rei
Ela fazia muitos planos
Eu só queria estar ali
Sempre ao lado dela
Eu não tinha aonde ir
Mas, egoísta que eu sou,
Me esqueci de ajudar
A ela como ela me ajudou
E não quis me separar
Ela também estava perdida
E por isso se agarrava a mim também
E eu me agarrava a ela
Porque eu não tinha mais ninguém
E eu dizia: - Ainda é cedo
cedo, cedo, cedo, cedo.

Sei que ela terminou
O que eu não comecei
E o que ela descobriu
Eu aprendi também, eu sei
Ela falou: - Você tem medo.
Aí eu disse: - Quem tem medo é você.
Falamos o que não devia
Nunca ser dito por ninguém
Ela me disse: - Eu não sei mais o que eu sinto por você.
Vamos dar um tempo, um dia a gente se vê.
 E eu dizia: - Ainda é cedo cedo, cedo, cedo, cedo.

(Ainda é Cedo - Legião Urbana)

"Foi o tempo que investiste em tua rosa que fez tua rosa tão importante."

Preterir

Imagem
preterir - Conjugar
(latim praetereo, -ire, passar ao longo de, passar diante, omitir, deixar de lado)

Sinônimos: abandonar, olvidar, desprezar, deixar de lado, afrontar, calcar, desatender,desdenhar, rejeitar, esquecer, menosprezar.


Pense numa coisa que me deixa triste de verdade...

Expectativas x Decepção

Imagem
Bem feito, quem mandou criar expectativas? Agora chora e se lamenta: "Bem feito, bem feito". Mania de se doar por inteiro, mania de querer dar uma de assistente social, de professora, pedagoga, filantropa e thaaaame na cara! Tá na hora de morfar, de mudar, de metamorfosear.

 "Então você muda, e as pessoas começam a valorizar o que você era".

Faxina

Definitivamente não tenho vocação pra graxeira, tenho que ser engenheira mesmo. Mas hoje tive que faxinar. Não só a casa. A vida toda.

Dia do Trabalho - É pra se comemorar o quê?

O capitão do navio pulou fora no primeiro barquinho que encontrou... Quando eu digo que sou mais homem que muito homem... ai, ai. Como pode ser tão covarde e mentiroso? Ele, sim, é cínico e debochado de uma forma inacreditável. Na minha mente ainda tem as palavras dele guardadas como se as tivesse me dito hoje. Nunca deu valor ao meu trabalho, nunca aceitou a minha opinião, porque achava que, por eu ser mulher e loira, só podia ser burra. Que um outro zé ruela que não sabe fazer um O com um copo, que fala "vareia", "menas" e "pra mim fazer", esse sim, era o dono da verdade e da razão e que eu tinha mais era que "ajoelhar e pedir a benção" a tal pessoa, aceitando todas as suas decisões. Nun-ca! Porque nunca concordei com esse negócio de mulher submissa. Nunca vou ser. Tratem-me de igual para igual. Melhor, nesse caso em particular, eu, como mulher, sou muito mais superior.