Maragogi - o Caribe brasileiro

O Caribe brasileiro, assim diz a propaganda. O  segundo destino mais procurado de Alagoas, disse o guia. Fez-me lembrar de uma viagem que ganhamos para o Caribe, mas que nunca conseguimos ir.
Sempre quis conhecer Maragogi. Via fotos e babava, mas acho que escolher a época do carnaval para isso não foi muito legal. O lugar é belíssimo, mas ter que acordar 3 e meia da manhã para visitá-lo não é muito interessante. São poucas as opções de restaurantes no local e o que nos foi destinado estava tão lotado, que foi uma luta conseguir uma refeição em menos de 2 horas. O catamarã também demorou bastante para ir até as piscinas naturais, quando chegamos a maré logo encheu. A volta foi feita fazendo-se muitas voltas, sabe-se lá por qual motivo, mas deu para tirar um belo de um cochilo enquanto o sol me torrava por completo. Voltei um camarão, mesmo com todo o protetor solar que usei. Resumo da ópera: valeu a pena todos o contratempos e sacrifícios, ri muito, me diverti e adorei estar em alto mar, sentada num banco de areia/calcário, vendo peixinhos, corais e seres humanos que imitavam focas (bizarro, mas vi. O que é que a cachaça não faz com um cidadão?) E, sim, Maragogi é um lugar para se visitar mais vezes. Adorei.

Comentários

  1. Como disse “Maragogi é um lugar para se visitar mais vezes” Então faço uma sugestão, que nas suas próximas férias ou um feriado prolongado, tire três ou quatro dias, faça uma reserva num dos hoteis ou pousadas de Maragogi, preferencialmente no período mais próximo da Lua Cheia ou da Lua Nova, para que não será necessário acordar durante a madrugada e ter de fazer uma viagem que possivelmente teve a duração de 2 ou 3 horas, para conhecer nas nossas piscinas Naturais. Quando precisar de informações, não hesite, faça contato ou visite o site da AHMAJA - Associação do Trade Turístico de Maragogi e Japaratinga, onde certamente encontrara uma meio de hospedagem que atenda seus anseios.
    http://www.maragogi.org.br/pousadas.html. Mas apesar dos transtornos relatados ficamos contentes quando Voce conclui dizendo “Adorei.” Volte em breve.

    ResponderExcluir
  2. Realmente tudo lá é muito bonito,mas como disse o Antonio Duarte, bom seria ter ido com antecedência e ficar hospedado lá. Aí sim teríamos mais prazer. Porque o transtorno de acordar de madrugada e a demora para ser atendido no restaurante tirou um pouco o prazer do passeio.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Seu comentário aqui é soberano!

Postagens mais visitadas deste blog

MINHA ROSA É ÚNICA NO MUNDO

Eu sou do Trecho

Como curar panela de pedra sabão - a saga