A echarpe Verde

Estava eu juntando a roupa e os acessórios que aluguei para poder devolver e descobri que a echarpe tinha dado cria. Sim, ao invés de uma, tinham duas da mesma cor, só que de tecidos diferentes. Pensei comigo: que diacho de cachaça foi essa que eu NÃO bebi a ponto de carregar echarpe alheia na festa?

Penso e repenso, lembrei que só pode ter sido no salão que me arrumei. Lá tinha tanta gente que mal dava pra andar no pequeno espaço. Tinha uma noiva, a mãe da noiva, a sogra da noiva, uma debutante, a mãe da debutante, mais 3 funcionários, o cabeleireiro, maquiador, isso tudo num espaço de 2x2 metros.

Lembro que tinha uma pessoa me ajudando, e depois que decidi que não ia usar a echarpe, guardei dentro da capa. Mas na hora da saída alguém gritou que eu estava esquecendo alguma coisa, peguei e guardei também. Era a echarpe da mãe da noiva!

Hoje quando liguei pra o salão o cabeleireiro me confirmou o acontecido e disse que foi um stress só. Ele disse que me ligou várias vezes, mas eu já estava no casamento e sem o celular. E a pobre mãe da noiva, evangélica, teve que entrar na igreja sem a tal echarpe. Fiquei com dó, mas não foi de propósito não. "Desculpe, seu Dezinho, que não foi por gosto não".
A garota da Echarpe Verde.
Do filme: Os Delírios de Consumo de Beck Bloom
Pior foi no meu casamento que dois amigos trocaram as camisas por engano (não me pergunte como) e um deles devolveu à loja a camisa do outro, sendo que a camisa que ficou não cabe no dono que não é dono, entendeu? Não, né? Deixa pra lá. Troca-troca parece que é um caso comum em festas de casamento. Eu, hein? 

Comentários

  1. kkkkkkkkkk... Tem que acontecer alguma coisa pra ficar na história! Coitada da mulher que ficou sem a echarpe.

    ResponderExcluir
  2. kkkkkkkkk, só vc mesmo, Erika. E o celular na bolsa na mala do carro, nas agonias, em cima da hora, jogou tudo na mala, e eu só ouvia o toque o tempo todo. Que sufoco a coitada da mulher passou. kkkkkkk. É triste mas é cômico.

    ResponderExcluir
  3. Pois é, Drica, mas vc não comentou que quem teve a camisa trocado no meu casamento foi seu marido! Agora explique como foi que isso aconteceu. kkkkkkkkk!!!

    ResponderExcluir
  4. Menina, q babado! rs Tô com pena da mãe da noiva! E, Drica, explique aí essa história de Jorge q tb fiquei curiosa pra saber! kkk

    ResponderExcluir
  5. A mulher da echarpe me ligou combinando pra pegar a echarpe... ô, vergonha... rs!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Seu comentário aqui é soberano!

Postagens mais visitadas deste blog

Eu sou do Trecho

Como curar panela de pedra sabão - a saga

Cortina Longa x Cortina Curta